cabeçalho.PNG

REGIMENTO INTERNO – CAMP GUARUJÁ

 

Ao ingressar no CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL CAMP GUARUJÁ, o adolescente já é diferenciado, mas devem, progressivamente, melhorar o perfil profissionográfico, o que será registrado pela equipe em ficha individual. Na conclusão do Programa, com êxito, isso determinará a oportunidade de migração para o Programa de Socioaprendizagem.                                         

  1. DAS FALTAS:

Conta 1 (uma) falta:

  • Ausência ou atraso em cada atividade agendada do dia – mesmo reuniões e projetos, inclusive no retorno do intervalo;
  • Estar presente na sala e não responder até a segunda chamada.

Abona a falta do dia:

  • Somente o ATESTADO médico, nos motivos de doença (abona o dia todo).
  • Em caso de falecimento de parente direto (pai, mãe, avós, bisavós, tio e tia consanguíneos e irmãos) com apresentação de cópia do atestado de óbito. São dois dias, contando com a data do falecimento. Tire suas dúvidas na secretaria.

Atenção:

  • Declaração de comparecimento (consultas/exames) só abona o período descrito na declaração.
  • O adolescente e o responsável legal se comprometem a comunicar imediatamente qualquer motivo que impeça o seu comparecimento nas atividades, mas fiquem atentos: não poderá ultrapassar o limite de 03 (três) faltas. Na dúvida, ligue 13- 3355 7906 – das 8h às 17h.
  • Declaração ou atestado só são válidos sem rasuras, sem corretivos, com a data e horários corretos (coincidentes com dia/horário correspondente à falta), carimbados e assinados. Confira no ato do recebimento na unidade de saúde.
  • Acompanhamentos odontológicos, médicos e/ou terapêuticos (contínuos) devem ser comunicados pessoalmente pelo responsável legal na secretaria até a data de início das atividades do Programa ou antes de iniciar um novo tratamento.
  • O adolescente deve copiar as tarefas dadas em sua ausência e realizar todas elas. Na dúvida, fale com um educador.
  • Afastamentos que comprometam o desenvolvimento global do adolescente, serão analisados.

Saídas da sede durante os intervalos das atividades:

  • Na Unidade I, serão permitidas, obedecidos os horários e que o adolescente e seu responsável legal se responsabilizem.
  • Na Unidade II, não serão permitidas, devido à ausência de portaria.
  • Por questões de segurança, não é permitida a permanência do adolescente na calçada ou esquinas do CAMP GUARUJÁ.         

Atenção: Havendo a necessidade de ampliação da jornada (8h/dia), o almoço será gratuito e se torna obrigatório.

 

  1. DA IDENTIFICAÇÃO:
  • O crachá é gratuito, deve ser conservado e usado ao peito nas dependências da entidade. Em caso de esquecimento ou perda o adolescente só terá permissão para assistir as atividades após procurar a secretaria para orientação.
  • Na perda ou dano, o crachá deve ser ressarcido;
  • Ao deixar o Programa, o crachá deve ser devolvido.

 

  1. TRAJES E APRESENTAÇÃO OBRIGATÓRIOS NA ENTIDADE:
  • Camiseta: branca, básica, lisa, de manga curta, sempre por dentro da calça;
  • Calça jeans: azul escuro ou preta tradicionais, sem manchas, com bainha tradicional ou italiana (barra virada), em comprimento adequado. O mesmo se aplica às moças, sendo opcional o uso de saia jeans nas mesmas cores e condições, no máximo quatro dedos acima do joelho, em substituição à calça comprida.
  • Calçados: Tênis ou sapatos pretos, cinza, azul escuro ou em tons de bege a marrom ou branco (cores lisas). Botas nas mesmas cores poderão ser usadas por dentro da calça. São proibidos tamancos e sandálias tipo chinelo. Atentar-se para que o calçado não comprometa a apresentação/discrição e higiene. Moças: Preservando sua saúde física, só use saltos baixos ou médios, grossos ou Anabela (máximo 8cm), mais apropriados para o trabalho.
  • Agasalhos, bolsas ou mochilas: Nas cores: preto, cinza, azul escuro ou em tons de bege a marrom ou branco (cores lisas).
  • Não são permitidos e ensejam o desligamento do Serviço: Piercing e tatuagens (mesmo nos fins de semana ou fora do CAMP GUARUJÁ). O uso de boné também não é permitido.  
  • Aparelhos sonoros/eletrônicos, com fone de ouvido discretos, que não incomodem as pessoas do entorno, são permitidos no trajeto (ida/volta), observadas as normas de segurança e de responsabilidade (nunca em atividades internas ou externas).
  • Rapazes: Cabelos curtos, bem cuidados, sem “mechas” ou tinturas, unhas aparadas, barba feita, sem bigode. Correntes finas podem ser usadas por dentro da camiseta, exceto cordões ou colares. Fitinhas no pulso, tornozelos ou pescoço não são permitidas. Brincos não poderão ser usados mesmo nos fins de semana ou fora do CAMP GUARUJÁ.
  • Moças: Cabelos bem cuidados e sem cobrir o rosto, sem “mechas” ou tinturas extravagantes. Poderão usar acessórios discretos e maquiagens suaves. Unhas bem cuidadas, com esmaltes claros ou escuros em tons fechados/discretos (não usar amarelo, azul, verde, preto ou cores chamativas, “abertas”). Decorações de unha, discretas em cor e tamanho, são toleradas. Na dúvida, peça orientação. Fitinhas no pulso, tornozelos ou pescoço não são permitidas.

 

  • Outros cuidados: Boa higiene, boa apresentação e postura, roupas sempre bem passadas, limpas e costuradas. É proibido o uso de chiclete, doces, balas, pastilhas e outros alimentos nas salas e demais dependências não apropriadas, pois comprometem a boa apresentação e comunicação. Para uso exclusivo nos intervalos (nunca nas atividades), trazer copo e/ou garrafa inquebrável, toalha de mão e pente, objetos pessoais para higiene pessoal.

Atenção: Na necessidade de ampliação da jornada (saída à 17h), se o adolescente for direto para a escola e desejar tomar banho, deve pedir autorização antecipada, trazer toalha de banho, sabonete e deixar o banheiro limpo e seco após o uso.

Estando em desacordo com este regimento não terá permissão para participar das atividades.

A reincidência poderá acarretar seu desligamento do programa, caracterizando dificuldade em atender ordens.

 

  1. DO TRANSPORTE:
  • O CAMP GUARUJÁ não se responsabiliza pelo transporte dos adolescentes. Vindo de bicicleta, trazer cadeado e guardá-la nos locais indicados.
  • A entidade apenas repassa as informações para obtenção do passe livre (quando aberto). A negociação, cadastro e reclamações devem ser feitas diretamente ao órgão responsável.

 

  1. DA FORMA DE AVALIAÇÃO:
  • Anotações em caderno ou fichário: conteúdos e exercícios dados devem ser anotados, de forma completa, organizada e com caligrafia, mesmo nos dias de sua ausência e será avaliado. Desorganização, grafia ilegível ou garranchos, não são aceitos no mundo do trabalho;
  • Avaliação escrita e tarefas extraclasse: Poderá haver avaliação e tarefas extraclasse sem aviso prévio, já que o objetivo do adolescente é aprender para a prática. Não são permitidos atrasos na entrega das tarefas, omissão ou negligência. Os educadores estarão à disposição para sanar dúvidas e agendar reforço;
  • Ficha perfil: cada educador atualizará, continuamente, uma ficha individual de desempenho e perfil do adolescente, não só de habilidades, mas de Comportamento, Interesse e a forma de Participação em todas as ações.

Atenção:

  • As avaliações poderão ser eliminatórias, caso não haja aproveitamento satisfatório no Programa ou mediante conselho da equipe e da diretoria, com base na ficha perfil do adolescente, avaliação de caderno e tarefas realizadas.
  • Plágio (cópias de livros, publicações, internet, de ideias/tarefas de terceiros) nos trabalhos e atividades, implicarão desligamento do Programa, por ferir a ética profissional.
  • Na dúvida/dificuldade quanto à realização das tarefas, o educador da matéria deve ser procurado. Nunca copie trabalhos de colegas ou de outros meios.

 

  1. DOS VÍCIOS:
  • O adolescente se compromete a não fumar, ingerir qualquer bebida alcoólica ou outras drogas e vícios, não frequentar fliperamas ou salões de jogos, por Facebook e outras redes, mesmo nos dias de folga. A ocorrência acarretará o desligamento do Programa.

 

Obs.: Estabelecimentos de lan house só poderão ser utilizados para fins didáticos.

 

 

  1. DO COMPORTAMENTO:
  • Deve ser respeitoso em todas as dependências do CAMP GUARUJÁ, na escola, redes sociais ou em sociedade, utilizando-se as expressões da boa educação, como por exemplo: Por Favor, Obrigado, Com Licença, Bom Dia, Boa Tarde, Pois não, Senhor/Senhora, sem expressões de desagrado.
  • Os ambientes devem ser mantidos limpos e conservados. Não colocar os pés nas paredes ou jogar lixo no chão e sempre respeitar as filas, mostrando civilidade e educação, bem como ao andar (nunca correr) nos corredores/escadas, tirar a mochila das costas e utilizar os corrimões.
  • Os adolescentes do CAMP têm responsabilidades idênticas e devem ajudar-se e respeitar-se mutuamente – sob quaisquer circunstâncias. Não serão tolerados atritos, brigas, ofensas morais, gestos obscenos ou qualquer ato indisciplinar e/ou falta de ética entre os adolescentes (Integração e Aprendiz Integral), com funcionários e outras pessoas, seja pessoalmente ou por qualquer meio de comunicação ou redes sociais;
  • Não é permitido o namoro na entidade ou nas proximidades, sob pena de desligamento do Programa.
  • Não identificado o responsável por comportamento inadequado (indisciplina), todos são responsabilizados.

 

  1. DA RESPONSABILIDADE DO ADOLESCENTE:
  • Todos os adolescentes são responsáveis pelo CAMP GUARUJÁ e devem manter os ambientes limpos e organizados. Ao final de cada atividade devem certificar-se de que não esqueceram nada e deixar o ambiente em ordem;
  • O Projeto líder do dia (escala voluntária) observação, avaliação e sugestões sobre as atividades, problemas e organização das salas, aprender a trabalhar em equipe, fazer relatórios, prestar contas e demonstrar sua responsabilidade e progresso. Assumido o compromisso, deve ser cumprido pontualmente;
  •  O uso de aparelhos eletrônicos, sonoros, de telefonia ou de imagem, internet e redes sociais não são permitidos na entidade, mesmo nas funções vibra, avião, mudo ou similares;
  • Trazer só o essencial às atividades e manter consigo documentos e pertences pessoais. Os responsáveis devem supervisionar na saída de casa;
  • Cumprir ativamente todas as atividades curriculares do Programa IntegrAção ou Programa Aprendiz Integral, inclusive cívicas, palestras e tarefas extraclasse, ficando disponível entre 07h e 18h, de 2.ª a 6.ª feira ou nas atividades agendadas nos fins de semana, sabendo ser condição inegociável para sua permanência no Serviço;
  • Nos coletivos, sempre respeite os demais passageiros. Ceda o lugar e ajude pessoas com deficiência (temporária ou permanente), pessoas mais velhas, com crianças de colo e gestantes. Só use aparelhos sonoros conforme orientado e tom de voz e linguagem, adequadas a um adolescente diferenciado.

Sobre o uso de recursos:

  • O uso adequado das dependências, materiais, recursos e equipamentos, caracterizam responsabilidade e preparo para o Mundo do Trabalho. O contrário será avaliado, podendo causar desligamento;
  • Cuidar e conservar dependências, cadeiras ou outros móveis, equipamentos, objetos e materiais cedidos é dever de todos. Ocorrendo danos, será responsabilidade do adolescente e de seu responsável, recuperá-los ou ressarci-los. Não comprovada a autoria, todos da turma são responsabilizados. Confira seu lugar ao entrar e sair de cada sala e comunique imediatamente qualquer irregularidade;
  • É obrigatória a apresentação da carteirinha para retirada de obras e materiais do acervo da sala de leitura. Ao fazer o empréstimo, você se compromete a zelar e devolver no prazo estabelecido. Faltando ao compromisso, será aplicada multa e relatório por irresponsabilidade. No caso de danos ou perda, a obra deve ser substituída por outra em igual estado.

 

  1. DA INICIATIVA:
  • O adolescente deve ser participativo, colaborar nas tarefas solicitadas, prontificar-se sem precisar ser cobrado, anotar informações recebidas, ser atuante e contribuir com dúvidas pertinentes, interagir, questionar assuntos que desconheçam e comentar suas experiências que agreguem valor à pauta. A iniciativa nas atividades e com as pessoas mostram maturidade e prontidão para a vida profissional. A recusa de tarefas, apatia ou indiferença, caracterizam falta de interesse e podem causar desligamento.
  1. DO DESENVOLVIMENTO ESCOLAR:
  • O adolescente é acompanhado em seu desenvolvimento, frequência e comportamento escolar, a partir da inscrição no CAMP GUARUJÁ.
  • Excesso de faltas, mau comportamento, notas ou conceitos abaixo da média implicam relatório escolar de alerta e oferta de ajuda. Não conseguindo conciliar escola/CAMP GUARUJÁ, deixará o Programa para priorizar o Ensino formal.
  • O abandono do ensino regular implica deixar o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos: Formação Humano-Profissional e Socioaprendizagem, mas Atenção: Mediante agendamento, poderá ter reforço escolar.

 

  1. DA ENTREGA DE DOCUMENTOS:
  • Documentos solicitados devem ser entregues prontamente ou até a data estipulada.

 

 

  1. AUTORIZAÇÕES:
  • O responsável legal e o adolescente, autorizam o uso de sua imagem, sem consulta prévia, em quaisquer publicações ou menção na mídia em geral: imprensa, folder, vídeos, sites, redes sociais e demais publicações relacionadas às atividades institucionais a qualquer tempo, mesmo após desligar-se da entidade;
  • As fotos ou materiais de divulgação poderão ser utilizadas também pelos adolescentes em redes sociais, mas peçam autorização para publicações e qualquer outra foto com o crachá ou que identifique a entidade, dependências ou parceiros;
  • Os responsáveis autorizam a participação em ações voluntárias, projetos de sexualidade, de acompanhamento psicossocial e Nutricional, bem como o deslocamento entre as Unidades do CAMP GUARUJÁ ou parceiros, necessários ao bom desenvolvimento do programa.

 

  1. DO COMPROMETIMENTO DO RESPONSÁVEL LEGAL:
  • Acompanhar a saúde do adolescente, verificar a necessidade de consultas médicas, a fim de em tempo hábil realizar o tratamento/consulta e evitar impedimentos de registro e manter a entidade informada;
  • Acompanhar o ensino formal noturno, em escola com horário de entrada a partir de 19h, em desempenho, frequência diária de segunda à sexta-feira e bom comportamento e estimular o adolescente a avançar nos estudos e compartilhar com a entidade, qualquer irregularidade ou pedido de reforço;
  • Participar de projetos voltados à família e comparecer pontualmente às reuniões e palestras ou, quando autorizado, indicar pessoa de sua confiança que o represente;
  • Atender prontamente a convocação da entidade ou reagendar por contato telefônico antes da data e horário agendados;
  • Oferecer trabalho voluntário que colabore com a formação Integral dos adolescentes;
  • Comunicar imediatamente, toda e qualquer irregularidade ou dificuldade com o adolescente, mesmo se tratando de hipótese ou suspeita, para que possamos averiguar em conjunto cada caso, apoiar e orientar o adolescente e a família;
  • Comunicar, de imediato, mudança de endereço, telefone ou escola do adolescente ou trabalho/telefone dos responsáveis;
  • Caso o responsável legal necessite ausentar-se da cidade deve comparecer na entidade, com ANTECEDÊNCIA, acompanhado da pessoa com quem deixará o adolescente para os devidos esclarecimentos;
  • Declara que o adolescente é solteiro, sem relação marital e sem filhos, mora com os pais naturais ou com responsável legal (com documento de guarda ou tutela), se compromete a permanecer nessa condição enquanto pertencer à entidade;
  • Declaram-se cientes de que a participação no Serviço é gratuita, não remunerada e que não terá qualquer prejuízo caso desista, mas apenas após concluir com êxito o Programa IntegrAção, de acordo com os critérios da entidade, poderá ingressar no Programa Aprendiz Integral (Socioaprendizagem), com possibilidade de jornada de segunda à sábado, em local designado pelo CAMP GUARUJÁ (em empresa parceira, pública ou privada)  e que deverá continuar frequentando, nas mesmas condições desse documento, todas as atividades teóricas e práticas do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos: Formação Humano-Profissional e Socioaprendizagem;
  • Colaborar na orientação do adolescente e zelar pelo cumprimento integral deste Regimento para o êxito do Programa;
  • Concordam em acatar integralmente esse regimento e em caso de dúvida ou mediante fato ocorrido, solicitar atendimento para novos esclarecimentos, cientes de que o desrespeito parcial/total desse regimento e futuramente da empresa parceira e a inadaptação às normas e perfil do mundo do trabalho, poderá ser retirado do Serviço, sem prévio aviso;
  • Em qualquer situação que não esteja aqui prevista, todo o histórico do adolescente será analisado pela equipe funcional e diretoria que decidirão sobre a melhor atitude a ser tomada, sendo esta decisão, irrevogável.

 

 

 

A T E N Ç Ã O:

TRABALHAMOS COM PREVENÇÃO. NOS PROCUREM SEMPRE QUE DESEJAREM, MESMO QUE PARA PROBLEMAS FAMILIARES OU PESSOAIS, ISSO NOS AJUDA A TRABALHAR COM O ADOLESCENTE. LIGUE E AGENDE – 13 – 3355-7906/ 13- 33557909. TODO ATENDIMENTO É SIGILOSO.